Tese

Políticas públicas de inclusão: uma análise no campo da educação especial brasileira

RESUMO

As políticas de inclusão incluem? A tese apresenta um panorama das políticas brasileiras voltadas à inclusão e como elas se articulam à educação especial. Para isso, analisou as políticas educacionais dos anos 1990 e início do século XXI, procurando identificar as consequências dessas políticas para a educação de indivíduos considerados com deficiência. Destacou a inclusão como política pública e, por fim, comparou as políticas no período às orientações de organismos multilaterais referentes à inclusão. A análise dos documentos e, especificamente, dos discursos desses documentos, permite a autora concluir que há uma costura de conceitos "politicamente corretos" que objetivaria construir uma linguagem de "mudança social". Com relação à política de educação especial brasileira em relação às orientações internacionais, identificou três pontos de tensão, quais sejam, gestão, organização do trabalho pedagógico e formação do trabalho docente. Ao analisar estes eixos, a autora identifica a lógica de mercado como grande orientadora.

SOBRE O DOCUMENTO

ATENÇÃO

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário no desktop. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.