Artigo

O “Programa Mulheres Mil” no Espírito Santo: uma política pública educacional de equidade de gênero?

RESUMO

O artigo tem por objetivo verificar se as técnicas utilizadas na implementação do Programa Mulheres Mil são capazes de fomentar a equidade de gênero, por meio da inclusão educacional e produtiva, e como se dá o processo. Os resultados apontam que o programa não atingiu seu objetivo de incluir produtivamente essas mulheres. Recomenda-se a reestruturação do programa, considerando a adequação da sua metodologia aos projetos de vida das mulheres, bem como à realidade do mercado de trabalho local. 

SOBRE O DOCUMENTO

  • Data de publicação: 09/2018
  • Autor(es): Corcetti, Elisabete | Souza, Susane Petinelli | Loreto, Maria das Dores Saraiva de
  • Local de publicação: Rio de Janeiro
  • Instituição(ões) relacionada(s): Fundação CESGRANRIO (Editora)
  • Identificadores: ISSN 0104-4036
  • Fonte: https://www.scielo.br/pdf/ensaio/v26n100/1809-4465-ensaio-S0104-403620180026001027.pdf
  • Data de Acesso à Fonte: 10/06/2020
  • Suporte: Texto
  • Tipologia: Artigo
  • Tamanho: 33 páginas
  • Tipo Licença: CC BY-NC - Atribuição/NãoComercial

ITENS RELACIONADOS

Composiçao(in)

Ensaio: Avaliação e Políticas Públicas em Educação