Tese

Jovens estudantes pobres: significados atribuídos às práticas pedagógicas denominadas inovadoras por seus professores

RESUMO

Investiga significados atribuídos por jovens estudantes, entre 14 e 24 anos, pobres, às ações desenvolvidas por seus professores no cotidiano escolar, que se desenrolam em sala de aula e são denominadas por estes como "práticas pedagógicas inovadoras". Tal questão emerge da afirmação de professores de que o jovem estudante não adere ao emprego de aulas inovadoras. O universo da pesquisa são escolas do turno da noite da Rede Municipal de Educação de Belo Horizonte, no Programa Escola Plural

SOBRE O DOCUMENTO

  • Data de publicação: 27/03/2007
  • Autor(es): Silva, Analise de Jesus da
  • Local de publicação: Belo Horizonte
  • Instituição(ões) relacionada(s): Faculdade de Educação da UFMG (Editora)
  • Fonte: http://www.bibliotecadigital.ufmg.br/dspace/handle/1843/HJPB-6ZPLV4
  • Data de Acesso à Fonte: 02/10/2016
  • Suporte: Texto
  • Tipologia: Tese
  • Tamanho: 398 páginas
ATENÇÃO

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário no desktop. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.