Artigo

As Políticas de Educação Profissional na América Latina e a Conjuntura Política da Região: Uma Análise a partir de Brasil e Venezuela nos Anos 2000

RESUMO

Discute-se a relação entre as políticas de educação profissional latino-americanas e a situação políticoeconômica dos países da região, considerando o PRONATEC no Brasil e as Escuelas Tecnicas Robinsonianas na Venezuela. Com base em Poulantzas, conclui-se que a análise das políticas públicas de educação profissional deve estabelecer quais segmentos econômicos são organizados como frações de classe e contrapor as demandas dos setores com as medidas do governo quanto à concepção das políticas públicas.

SOBRE O DOCUMENTO

ATENÇÃO

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário no desktop. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.