Artigo

As ideias e a análise de políticas públicas de educação para a população do campo: um olhar a partir da abordagem cognitiva

RESUMO

Levantam-se possibilidades de uso da abordagem cognitiva de análise de políticas públicas para a compreensão da constituição da educação básica como referencial que integra a política educacional brasileira. Destacam-se marcos da educação básica, em substituição à educação à população do meio rural. Apresentam-se conceitos metodológicos da abordagem cognitiva. O principal contributo é a compreensão da educação básica do campo como significação que reúne conteúdos normativos e cognitivos.

SOBRE O DOCUMENTO

  • Data de publicação: 2016
  • Autor(es): Farenzena, Nalú | França, Damiana de Matos Costa
  • Local de publicação: São Paulo
  • Instituição(ões) relacionada(s): Universidade Nove de Julho (Editora)
  • Identificadores: ISSN 1983-9278
  • Fonte: http://www.redalyc.org/articulo.oa?id=71546154010
  • Data de Acesso à Fonte: 13/10/2016
  • Suporte: Texto
  • Tipologia: Artigo
  • Tamanho: 17 páginas
  • Edição: 39
ATENÇÃO

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário no desktop. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.