Play
8 Resultados encontrados
Temas

Filtrado por:

TEMA

Ver todos
Limpar Filtro

Coleção Antirracista

A questão racial brasileira na perspectiva do pensamento antirracista e decolonial é foco da série “Coleção Antirracista”. Com curadoria e direção de Val Gomes e realizada pela produtora Olhar Imaginário, com apoio do Instituto Unibanco e da Spcine, a série é composta por oito documentários curtos (entre 11 e 14 minutos de duração) e tem como público-alvo pessoas, instituições e empresas com interesse em combater o racismo e investir em ações inclusivas e antirracistas.

Com equipe de criação e produção extensivamente negra, os episódios são formatados para dialogar com público adolescente, jovem e adulto, os episódios são curtos, dinâmicos e fazem uma reflexão crítica sobre o impacto do colonialismo até os dias de hoje. Animações gráficas trazem leveza à linguagem da obra, ao lado de imagens de arquivo, narração feminina, depoimentos de importantes intelectuais negros e música afrobrasileira contemporânea. 

Os episódios dos documentários apresentam figuras negras históricas ainda pouco conhecidas, que atuaram nas mais diversas áreas do conhecimento. Outra camada dos vídeos é a trilha sonora, que teve sua pesquisa baseada no encontro de sonoridades negras tradicionais com desdobramentos em ritmos modernos que trazem uma textualidade original aos episódios.

A série conta com depoimentos da psicóloga Cida Bento, uma das 50 personalidades mais influentes do mundo de acordo com a revista Forbes; da filósofa Sueli Carneiro, a principal intelectual da epistemologia afrobrasileira; da arquiteta Joice Berth, autora do livro “O que é empoderamento?”; de Cidinha da Silva, escritora com 17 livros publicados; do historiador e multi-artista Salloma Salomão; do encenador e filósofo José Fernando de Azevedo, diretor da EAD–USP; da psicóloga e pesquisadora racial da UFSC, Lia Vainer Schucman; da publicitária e ativista Neon Cunha, a primeira pessoa trans a denunciar as violências de gênero na OEA ; da artista visual Rosana Paulino, a primeira mulher negra ter uma exposição exclusiva na Pinacoteca (SP); e do tenente-coronel aposentado da Polícia Militar de São Paulo Adilson Paes de Souza, doutor em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Humano pelo Instituto de Psicologia da USP.