Probabilidade de frequentar a escola entre jovens de 15 a 17 anos

Aqui serão analisados dois contextos familiares com características socioeconômicas diferentes: (i) jovens de 15 a 17 anos em família chefiada por homens brancos com pelo menos Ensino Médio completo, renda alta e residentes em área urbana; (ii) jovens de 15 a 17 anos em família chefiada por mulher negra, analfabeta, pobre e residente em área rural. Analise para o seu estado se o contexto familiar resulta em maior ou menor chance de um jovem frequentar a escola. Interpretação: se em uma UF a barra mais clara terminar em 70, significa que jovens do contexto (i) têm 70% de chance de frequentar a escola. Agora, se a barra escura de uma UF terminar em 70, os jovens do contexto (ii) têm 70% de chance de frequentar a escola. As taxas de rendimento divulgadas nos sistemas do Educação em Números são estimativas calculadas através dos microdados de matrícula do Censo Escolar (situação final). Ao fazer o cálculo, optamos por trabalhar com o arredondamento das casas decimais, enquanto o INEP trabalha com o dado truncado. Desse modo, as nossas estimativas de taxa de rendimento podem ou não coincidir com as taxas divulgadas.

Dimensão: Acesso e participação

Dado mais recente: 2018

Tema: Abandono escolar, Juventudes, Direito à educação

Indicadores: Probabilidade de frequentar a escola entre jovens de 15 a 17 anos