Histórico trimestral do percentual de jovens de 15 a 17 anos fora da escola

Se os jovens de 15 a 17 anos não se matriculam na escola, espera-se que a quantidade de jovens fora da escola permaneça constante ao longo do ano. Se a quantidade de jovens fora da escola diminui ao longo do ano, temos um problema de entrada tardia no sistema educacional. Agora se a quantidade de jovens de 15 a 17 anos fora da escola aumenta ao longo do ano, isso aponta para a desistência dos estudos. Analise a situação dos jovens de 15 a 17 anos fora da escola na sua rede. Liste as situações que ocorreram durante o ano que influenciaram o aumento ou a redução dos jovens fora da escola. Reflita se sua situação é particular ou se segue o mesmo comportamento do Brasil e da sua região. As taxas de rendimento divulgadas nos sistemas do Educação em Números são estimativas calculadas através dos microdados de matrícula do Censo Escolar (situação final). Ao fazer o cálculo, optamos por trabalhar com o arredondamento das casas decimais, enquanto o INEP trabalha com o dado truncado. Desse modo, as nossas estimativas de taxa de rendimento podem ou não coincidir com as taxas divulgadas.

Dimensão: Acesso e participação

Dado mais recente: 2018

Tema: Abandono escolar, Juventudes, Direito à educação

Indicadores: Percentual de jovens de 15 a 17 anos fora da escola