Artigo

Ideia de futuro em política e educação: um diálogo com Arendt

RESUMO

Faz-se o exame da força semântica contida nas noções de futuro em política e educação a partir do ensaio de Hannah Arendt “A crise na educação” (1958). O uso abusivo do slogan de uma escola do futuro justifica um exame mais detido da atitude conservadora que Arendt confere à educação nos seus exercícios de pensamento político como forma de preservar a potencial novidade política dos recém-chegados ao mundo.

SOBRE O DOCUMENTO

  • Data de publicação: 09/2016
  • Autor(es): Augusto, Maurício Liberal
  • Local de publicação: São Paulo
  • Instituição(ões) relacionada(s): Fundação Carlos Chagas (Editora)
  • Identificadores: ISSN 1980-5314
  • Fonte: http://publicacoes.fcc.org.br/ojs/index.php/cp/article/view/3604
  • Data de Acesso à Fonte: 20/10/2016
  • Suporte: Texto
  • Tipologia: Artigo
  • Tamanho: 26 páginas
  • Tipo Licença: CC BY-NC - Atribuição/NãoComercial