Artigo

Direito à educação e valorização profissional - O papel do Estado e da sociedade

RESUMO

Este trabalho analisa a valorização dos profissionais da educação básica, partindo do pressuposto de que é uma das condições e, ao mesmo tempo, uma das respostas à educação como direito. Essa relação ocorre na dinâmica social, mediada pelo Estado e, por isso, suscetível a contradições, avanços e recuos. O corte temporal é de três décadas, partindo da Constituição Federal de 1988, principal marco da legislação brasileira.

SOBRE O DOCUMENTO

  • Data de publicação: 2016
  • Autor(es): Vieira, Juçara Dutra
  • Local de publicação: Brasília
  • Instituição(ões) relacionada(s): Confederação Nacional do Trabalhadores em Educação (Editora) | Esforce - Escola de Formação da CNTE (Editora)
  • Identificadores: ISSN 1982-131
  • Fonte: http://www.esforce.org.br/index.php/semestral/article/view/648/670
  • Data de Acesso à Fonte: 28/10/2016
  • Suporte: Texto
  • Tipologia: Artigo
  • Tamanho: 101 páginas
ATENÇÃO

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.

Por conta das restrições de uso e acesso informados pelo autor e/ou pela fonte de origem deste arquivo, este documento apenas pode ser visualizado pelo usuário no desktop. Qualquer outra tentativa de uso não é permitida (tais como divulgação, reprodução ou download), cabendo ao usuário a responsabilidade sobre tal conduta irregular, conforme o aceite de nossos Termos de Uso e Políticas de Privacidade.